7˚ dia da Via Sacra da Ressurreição

SÉTIMA ESTAÇÃO

O Ressuscitado dá o poder de perdoar os pecados

C= Nós vos adoramos e vos bendizemos, Senhor Jesus Cristo!

T= Porque pela vossa santa Páscoa remistes o mundo!
(erguendo as velas e não ajoelhando)

Leitor 1: “Tendo falado isso, Jesus soprou sobre eles, dizendo: “Recebam o Espírito Santo. Os pecados daqueles que vocês perdoarem, serão perdoados. Os pecados daqueles que vocês não perdoarem, não serão perdoados.” (João 20, 22-23)

C= Cristo soprou sobre os discípulos. Naquele dia de Páscoa, os seguidores de Jesus receberam um novo hálito de vida, um novo ar encheu suas vidas, não apenas o oxigênio que entrava em seus pulmões, mas uma nova forma de compreender a vida e a morte, o homem e Deus. Agora eles são testemunhas do Crucificado que ressuscitou dos mortos. Essa novidade absoluta só pode ser obra do Espírito Santo. Ele é quem faz o ser humano sair da morte do pecado e viver na Graça da verdade e da justiça. Na força do Espírito, os discípulos perdoam os pecados, para regenerar a vida, para recuperar o ser humano, para dar nova direção à história e reintegrar a natureza ao Criador.

Leitor 2: O perdão dos pecados é o grande Dom de Jesus à comunidade pascal, Ser perdoado é recuperar a dignidade de Filho de Deus que as feridas do pecado escondem. O cristianismo é a religião do perdão. Perdoa-se sempre: “Perdoai-nos como nós perdoamos quem nos tenha ofendido. É perdoando que se é perdoado. Vai em paz e não peques mais.” São frases que ressoam nos seguidores de Jesus como herança maior do Mestre. Só o amor possibilita o perdão.

INTERCESSÃO

C= Irmãos e irmãs, tendo recebido o Espírito de filhos, no qual clamamos “Pai”, dirigimos, então, com afeto filial, as nossas orações a Deus Pai, todo-poderoso, dizendo juntos:
Senhor, acolhei a nossa prece.

  • Por todas as iniciativas que promovem a paz e a concórdia entre os povos, rezemos.
  • Pelos que são oprimidos por angústias e dificuldades, para que sejam aliviados pelo conforto do Espírito Consolador, rezemos.
  • Por todos nós, aqui reunidos no Senhor, para que a graça do batismo e da crisma seja renovada em nós, rezemos.

C= Oremos.

Ouvi, Senhor, o vosso povo, e que a vossa graça nos conceda sempre aquilo que não podemos obter pelos nossos méritos. Por Cristo nosso Senhor.

T= Amém.

C= Pela Ressurreição de Cristo.
T= Guardai-nos na Luz, ó Santa Mãe do Senhor.