4˚ dia da Via Sacra da Ressurreição

QUARTA ESTAÇÃO

O Ressuscitado caminha com os discípulos de Emaús

C= Nós vos adoramos e vos bendizemos, Senhor Jesus Cristo!

T= Porque pela vossa santa Páscoa remistes o mundo!
(erguendo as velas e não ajoelhando)

Leitor 1: “Será que o Messias não devia sofrer tudo isso, para entrar na sua glória? Então, começando por Moisés e continuando por todos os Profetas, Jesus explicava para os discípulos todas as passagens da Escritura que falavam a respeito dele.”(Lucas 24, 26-27)

C= Na estrada que sai da capital Jerusalém e segue para a aldeia de Emaús há dois amigos que caminham. Decepcionados pela morte de Jesus, frustados na esperança de que o Nazareno fosse o Salvador, eles falam da crucificação do Mestre. Enquanto andam, um terceiro viajante junta-se a eles. Explica as Escrituras, faz o coração daqueles peregrinos arder novamente. É uma presença que torna a viagem menos trágica e devolve a esperança e a confiança em Deus.

Leitor 2: Somos caminheiros na estrada da vida. Peregrinos rumo à casa do Pai, encontramos muitos desvios e obstáculos na viagem. Há os cansados, os perdidos e até os apressados. A vida é um caminho. Andar sem destino seria cair no abismo. Aonde vamos? Sem a presença de Jesus seria difícil viver. Com ele, sabemos que vamos ao Pai e suas palavras nos estimulam a amar e esperar o encontro definitivo com Deus.

INTERCESSÃO

C= Em nosso caminho, cheio de incertezas e dificuldades, Jesus nos revela seu mistério de cruz e de glória. Digamos com fé:
Ficai conosco, Senhor!

  • Por todas as comunidades cristãs, pobres e ricas, fracas e fortes, de antiga tradição ou de criação recente, nós vos rogamos.
  • Pelos que chegaram ao entardecer da vida e se sentem absolutamente abandonados por todos; pelos que estão sozinhos e se consideram fracassados; pelos que estão desanimados e perdendo a esperança, nós vos rogamos.
  • Pelos nossos entes queridos e que já passaram para a outra vida com a esperança da ressurreição, e por nós que confiamos reencontrá-los na vida e na alegria junto a vós, nós vos rogamos.

C= Oremos.

Senhor Jesus, que sintamos sempre arder nosso coração quando nos falais, e saibamos reconhecer-vos misteriosamente presente em todos os homens; que vossa Igreja possa ser sempre a intérprete autêntica da humanidade que vos busca e vos invoca como seu Salvador e Senhor, nos séculos sem fim.

T= Amém.

C= Pela Ressurreição de Cristo.
T= Guardai-nos na Luz, ó Santa Mãe do Senhor.